A todos os inscritos é enviado email de confirmação de inscrição, anexo a este segue este Aviso de Regata.
A todos os inscritos é enviado email de confirmação de inscrição, anexo a este segue este Aviso de Regata.
A todos os inscritos é enviado email de confirmação de inscrição, anexo a este segue este Aviso de Regata.
LOCAL DAS REGATAS
COMO CHEGAR HOSPEDAGEM
Através   do   site:   www.booking.com    podem   ser   conseguidas   ótimas   promoções   e   opções   para   este   período em hotéis da cidade. Outra sugestão através do AirBNB que aponta promoções em acomdações diversas em: https://www.airbnb.com.br/s/Porto-Alegre--Brasil?listing_types[]=1
Veleiros do Sul Alojamentos - Av. Guaíba, 2941 - Vila Assunção. Vide site: http://vds.com.br/ Diárias: R$ 60,00 (beliches com roupa de cama, travesseiro e edredon). Distância: 2,3km, 6 minutos de carro do Clube dos Jangadeiros
Coral Tower Express Av. Getúlio Vargas, 318 Fone: 55 (51) 3226-5536 reserva.express@coraltower.com.br Distância: 9,2km, 18 minutos de carro do Clube dos Jangadeiros
CHI 74 Pablo alvarez
Inicie hace 20 años y retome hace 1 año Responsable por el retorno Rolf Koster Por el CVRC - Santiago de Chile Participación Campeonato chileno de IOM, ULY y RG Mejor colocación es 6 lugar Sudamericano de UlY año 2017, lugar 18.
BRA 57 Daniel Mueller
Como   todo   o   iniciante   na   vela   1x1   com   mais   de   40   anos,   iniciou   sua   carreira   de esportista   velejador   aos   16   anos,   velejando   na   classe   Pinguim,   a   classe   de entrada na vela 1x1 na época. Posteriormente   passou   a   velejar   a   classe   Laser,   por   onde   permaneceu   vários anos,   permeou   por   outras   classes   velejando   os   barcos   das   classes   catamarã hobbie 16, snipe, 470, soling e por último a classe oceano. Nestas    teve    bons    resultados,    por    sua    experiência    adquirida    ao    longo    dos tempos. Começou   na   vela   radio   controlada   em   2009,   quando   viu   pela   primeira   vez   o veleiro   1   metro   IOM   em   um   treino   no   Clube   Jangadeiros,   em   Porto Alegre,   onde lá   estavam   Jorge   Bercht   -   BRA   16,   Armando   Ramos   -BRA   47   e   Pedro   Stier   - BRA 23, treinando para o mundial de Barbados, foi amor à primeira vista. Logo   iniciou   na   classe   IOM   com   um   veleiro   Storm   que   era   construído   pelo estaleiro    SeaMaster    de    Person    Antônio    F.    Thiersen    (Neni).    Por    seu    vasto conhecimento   nas   classes   1x1   não   teve   muitos   problemas   para   velejar,   sim, somente   teve   que   se   adaptar   com   a   condição   de   desembarcado,   onde   todo   o comando    do    barco    estava    em    um    rádio    controle,    o    que    não    acontecia    nas classes 1x1. Sua trajetória na vela rc pelos seguintes eventos: 2015 - Campeonato Brasileiro de IOM - Porto Alegre - Jangadeiros 2016 - Campeonato Brasileiro de IOM - Rio de Janeiro - Marapendi 2016    -    Campeonato    Brasileiro    de    RG65    -    Florianópolis    -    Lagoa    Pequena/ Campeche Suas melhores colocações: 2010 - Campeonato Brasileiro de RG65 - Balneário Camboriú - Campeão 2015    -    Campeonato    Brasileiro    de    IOM    -    Porto    Alegre    -    Jangadeiros    Vice- Campeão,   havemos   de   destacar   que   foi   o   primeiro   dos   brasileiros,   e   campeão nesta foi o velejador Robert Walsh GBR (Campeão Mundial em 2013). 2016   -   Campeonato   Brasileiro   de   IOM   -   Rio   de   Janeiro   -   Marapendi   -   Vice- Campeão. Sua experiência em campeonatos no exterior: 2015 - Mundial de IOM - USA - Foster city CA
BRA 7 Sergio Richter
Iníciei   na   vela   1x1   em   1968,   no   Sharpie   de   meu   pai   e   entre   as   classes   Guanabara, Lightning   e   oceano,   em   1969   participei   ativamente   na   classe   Pinguim,   no   Clube Veleiros   do   Sul   em   Porto Alegre.   Velejei   ao   longo   de   vários   anos   em   várias   outras classes,    tais    como,    470,    Laser,    Snipe,    Star,    Soling    e    Oceano,    participando ativamente de inúmeros campeonatos nacionais e internacionais. Na    vela    r/c,    iniciei    em    1987    em    Porto    Alegre    no    Clube    de    Nautimodelismo Minuano,   hoje AGVRC,   por   intermédio   do   Jorge   Bercht   e   do   falecido   Jose   Eduardo Vianna. Participei dos maiores eventos realizados na época. 1988 - IX Campeonato Brasileiro de "M" em Curitiba - PR 1989  - V Campeonato Sula Americano de "M" em Porto Alegre - RS 3º Lugar -Troféu destaque nesta competição 1990 - VI Campeonato Sul Americano de "M" em Chascomus - Argentina 1991 - XI Campeonato Brasileiro da Classe M R/C – Porto Alegre – RS A    vela    R/C    no    mundo    esta    em    um    patamar    técnico    elevadíssimo,    tanto    em materiais   utilizados   como   em   qualidade   de   timoneiros   e   projetos,   principalmente nas   classes   utilizadas   também   no   Brasil,   RG65,   IOM   e   Marblehead.   Com   o   avanço dos    softwares    de    desenvolvimento,    o    nível    de    projetistas    principalmente    na Inglaterra, Nova Zelândia e USA  estão superando todas os limites possíveis. Infelizmente   no   Brasil   ainda   precisamos   importar   quase   todo   o   material,   ficando muito    caro    para    a    maioria    da    população    face    aos    custos    de    importação    e    a defasagem cambial. Não   fosse   por   alguns   poucos   amantes   deste   pequenos   veleiros,   que   com   muito esforço   e   dedicação,   promovem   e   realizam   eventos   neste   nível,   certamente   a   vela r/c não existiria mais. Atualmente   tenho   velejado   em   um   lago   particular   na   cidade   de   Canela   na   Serra Gaucha   onde   temos   18   Seawind   da   Kyosho,   alguns   são   emprestados   a   novatos interessados   na   vela,   com   este   barcos,   face   aos   preços   acessíveis   e   igualdade   de materiais, conseguimos manter as competições bastante divertidas.
Teve   o   primeiro   contato   com   a   vela   rc   através   do   velejador   João   de   Deus   Assis Filho   em   Agosto   de   1999.   Na   época   o   CMAV   -   Clube   de   Modelismo   Asas   do   Vale considerado   maior   clube   de   modelismo   do   Brasil,   por   manter   as   modalidades   de aero,   auto   e   nauti,   dava   seus   primeiros   passos   em   direção   a   vela   rc,   mais   tarde por   sua   influência   foi   alterada      as   medidas   do   lago   para   maior.   Ao   longo   destes anos   de   velejadas      participou   ativamente   da   vela   rc,   dos   quais   destacamos   as   três últimas participações em eventos recentes: XI Brasileiro da classe 1M-IOM – Rio de Janeiro-RJ = 13° Lugar. IX Brasileiro da classe RG 65- Florianopólis-SC= 3° Lugar.  XVI Sulamericano ULY- La Angustura- Argentina = 22° Lugar. Destaque para as três melhores classificações em eventos de maior importância: 2° Lugar no XV Sulamericano de M em 2003- Porto Alegre-RS. 3° Lugar no III Brasileiro de RG 65- Camboriú-SC em 2010. 3° Lugar no  IX Brasileiro da Classe RG 65 - Florianopolis -2015. Participação em eventos internacionais: 2010 I Mundial ICA/RG 65 em Buenos Aires- Argentina. 2012- II Copa Sulamericana na Classe 1M-IOM- B. A. Argentina. 2015 XVI Sulamericano de 1M-ULY -La Angustura- Argentina. Como   participante   e/ou   capitão   de   flotilha   do   Clube   de   Modelismo   Asas   do   Vale   - CMAV está a frente dos diversos eventos realizados.
BRA 13 Rolf Stange ARG 61 Ricardo Pollono
Mi   relación   con   la   vela   y   los   deportes   náuticos   se   inició   en   la   década   del   60 navegando   en   la   Clase   Penguin   en   mi   ciudad   natal   cuando   tenía   12   años   y   ha continuado hasta la actualidad de muchas maneras, En   1979   conozco   a   Roberto   Azar,   el   padre   junto   con   otros   personajes   de   la   vela RC   en   Argentina,   construyo   mi   primer   Marblehead   y   en   1980   consigo   mi   primer Campeonato Argentino en Buenos Aires. De   allí   en   adelante   e   incorporado   al   legendario   Club Argentino   de   Yatemodelismo (CAYM)   difundimos   por   todo   el   país   nuestra   pasión   con   un   grupo   de   amigos   sin fin. Con    el    CAYM    salimos    al    mundo,    a    Brasil,    a    Uruguay    y    Chile    con    todo    el entusiasmo.   En   1985   participamos   por   primera   vez   en   una   regata   sudamericana en   Porto   Alegre   en   1985,   la   Regata   Porto   dos   Casais   en   el   Veleiros   do   Sul   que fue   la   piedra   angular   de   la   fundación   de   la   ULY   años   más   tarde,   y   de   haber realizado   los   primeros   campeonatos   sudamericanos   de   M   en   Buenos   Aires   en 1986 y la Clase 1 Metro en Chascomús en 1992. Junto   a   Néstor   Bettinnoti   represente   por   primera   vez   a   mi   país   en   el   exterior   en Fleetwood Inglaterra, en el Mundial de la Clase M de 1986. He   corrido   todos   los   campeonatos   argentinos,   Nacionales   de   IOM   en   Brasil   y Chile   y   sudamericanos   de   IOM   y   1M   ULY   y   participado   de   Nacionales   en   EEUU (tercera región 2009) y España (2014) de IOM. Represente   a   mi   país   en   los   Mundiales   de   Marsella   (2007),   Barbados   (2009)   San Francisco (2015) y Pierrelatte (2017). Por   fuera   de   esto,   la   actividad   me   permitió   conocer   a   timoneles   de   la   talla   de Pancho   Urbistondo,   Eduardo   Vianna,   Luis   Gomez,   Pedro   Stier,   Bill   Astbury,   Rolf Koster,   Joao   de   Deus,   Celio   de   Souza   y   Jorge   Bercht,   solo   para   nombrar   algunos de   los   muchos   que   abrace   con   ganas   y   muchos   otros   que   tengo   la   posibilidad   de seguir abrazando hoy.
BRA 13 Roberto Lindstaedt BRA 17 Armando Ramos
Desde   pequeno,   adorava   ver   uma   disputa   de   veleiros   de   leme   de   vento,   de   várias classes,   num   pequeno   laguinho   hexagonal   com   um   chafariz   ao   centro   no   Parque da Redenção em Porto Alegre. Um   dos   praticantes,   Sr.   José   Eduardo   Vianna   ia   seguido   até   a   empresa   do   meu pai,   comprar   peças   e   componentes   eletrônicos   para   os   seus   rádios   amador,   surgiu a   amizade   entre   eles   e   lá   por   volta   de   1970/1971   ganhei   do   meu   pai   o   primeiro   kit de   montar   de   um   Classe   20   –   Pelicano,   acho   que   fabricado   pela AeroBrás   ou   algo assim. Por   alguns   anos   disputávamos   regatas   organizadas   pelo   antigo   Clube   Minuano   de Nautimodelismo,   o   mais   antigo   do   Brasil,   no   Largo   dos Açorianos   em   Porto Alegre, mas   o   lago   não   oferecia   as   condições   técnicas   necessárias,   e   nem   com   relação   a segurança, para a prática da Vela. Depois   de   muito   tempo   parado   sem   praticar,   novamente   o   Sr.   José   Eduardo Vianna,   aparece   com   um   convite,   ou   melhor,   uma   intimação,   para   eu   e   meu   irmão Marcelo   Oliveira   Ramos   participarmos   de   um   Campeonato   Nacional   da   Classe   M de   Vela   Radio   Controlada,   um   Campeonato   com   a   participação   de   54   ou   56 velejadores,   no   Clube   do   Jangadeiros,   foi   o   nosso   batismo   real   na   Vela   R/C,   não fomos os últimos colocados, mas estivemos bem próximos. Tenho   participação   em   vários   campeonatos   Gaúcho   da   Classe   1   Metro/ULY   tendo ganho   uns   dois   ou   três,   enquanto   o   Jorge   Bercht   não   tinha   interesse   por   esta classe,    minha    melhor    classificação    na    Classe    1M/ULY    foi    um    5th    lugar    num Campeonato Brasileiro em São Francisco do Sul. Já   na   Classe   IOM   minhas   participações   me   limitam   entre   11th   e   15th   lugar,   participei   de   diversos   eventos   Internacionais   na   classe   1M/ULY,   RG-65,   M,   e   IOM, entre   os   principais   o   Campeonato   Mundial   da   Classe   RG-65   na   Argentina,   o   no Brasil da mesma Classe, também o Mundial de IOM em Barbados. Ao   longo   destes   anos,   a   Vela   R/C   tem   sido   um   hobby/esporte   apaixonante,   apesar de    nunca    ter    tido    nenhum    conhecimento    de    vela,    sempre    me    mantenho competindo   em   posições   intermediárias,   sempre   com   o   objetivo   de   melhorar   e chegar    mais    longe,    o    que    a    cada    dia    fica    mais    difícil,    visto    que    hoje    temos competindo   em   nossas   raias   diversos   competidores   multi-campeões   em   classes de barcos a vela (real), tornando esta missão ainda mais complicada. Além   da   competição   em   si,   os   eventos   oportunizam   o   convívio   com   grandes velhos    e    novos    amigos,    em    geral    sempre    num    clima    de    muita    diversão    e camaradagem   ....   até   que   o   sinal   de   largada   seja   dado   ...   então   é   cada   um   por   si ..... até o próximo evento..
BRA 16 Jorge Bercht
PERFIL Conheça os velejadores inscritos!
BRA 33 Célio Arnaldo
I niciei   em   1963,   no   Rio   de   Janeiro,   na   classe   Pinguim   (BL   5005)   barco   de   minha propriedade,    tripulei    nas    classes    Snipe,    Carioca,    Guanabara,    mini-oceano    e oceano (regatas do Rei Olavo V (1967) e Santos-Rio (1968)). Na   vela   RC   em   1964,   construí   meu   primeiro   veleiro   baseado   em   fotos,   de   dois mastros que media 60 cm. Nesta   época   usávamos   o   leme   de   vento   (V/C),   e   por   este   motivo   tinha   que   ser   em local   apropriado,   velejei   durante   algum   tempo   na   antiga   piscina   de   água   salgada do CR Guanabara. Ao   final   1964,   associei-me   ao   Clube   Jagunços   do   H.   Brício,   lá   conheci   um   grande amigo    e    construtor    José    Raimundo    Nonato,    que    me    levou    para    a    classe    M, velejamos juntos o veleiro classe M V/C de nome Dourado por vários anos. Em   São   Paulo   no   1969   participei   da   inauguração   do   modelódromo   do   Ibirapuera, como   sócio   do   CNSP   –   Clube   de   Nautimodelistas   de   São   Paulo,   1978   fundou-se a   APN   (sócio   fundador),   no   fim   do   mandato   do   primeiro   Comodoro   Passanante Catelan,   assumi   a   comodoria   da APN   -Associação   Paulistana   de   Nautimodelismo (atual APVRC – Associação Paulista de Veleiros RC) por dez anos consecutivos. Nos   anos   80,   sagrei-me   tetra-campeão   brasileiro   da   classe   M   (1981,   82,   87   e   88), os   dois   títulos   iniciais   me   levaram   ao   V   Mundial   da   Classe   M   –   Fleetwood   –   UK (1986),   no   ano   de   1982   participei   da   fundação   da   União   Brasileira   de   Veleiros Rádio     Controlado,     atual    ABVRC    Associação     Brasileira     de     Veleiros     Rádio Controlados,   em   Porto   Alegre.   Ao   longo   dos   anos   80,   promovi   e   organizei   todos os   eventos   regionais,   estaduais   e   interestaduais   realizados   em   São   Paulo.   Nos anos   90,   sagrando-me   tricampeão   sul-americano   da   classe   1metro   ULY   (1994,   95 e   96),   em   1996   montei   o   do   primeiro   site   da   vela   rádio   controlada   brasileira   o   da União   Brasileira   de   Veleiros   RC.   Em   1999   assumi   a   comodoria   da   APVRC   para organizar   o   sul-   americano   do   ano   2000,   desde   então   mantenho   o   blog   Vela   RC Brasil,    pelo    qual    continuarei    editando    e    apoiando    a    vela    rádio    controlada brasileira. Em   2007   participei   do   primeiro   campeonato   brasileiro   da   classe   RG65   em   Gaspar SC.   Em   2010   fui   coordenador   da   organização   do   III   Campeonato   Brasileiro   da Classe   Rg65   (Balneário   Camboriú   -   SC)   Ao   final   de   2015,   iniciei   o   blog   “História da   vela   rádio   controlada   brasileira”,   onde   relatamos   ano   a   ano   os   momentos pontuais da vela r/c brasileira. Ativo    na    vela    rc    sempre    estarei    velejando    e    divulgando    notícias    sobre    a modalidade que faz parte da minha vida a mais de 50 anos.
CHI 13 Pablo Walper
Mi   primer   campeonato   oficial   fue   el   año   2009   para   el   14°   sudamericano   clase   1M ULY en PUCON-CHILE Mi iniciante en la vela radiocontrolada organizada fue Rolf Koster Club de Veleros Radiocontrolados de Chile (CVRC) zona Sur Campeonato   Nacional   Argentino   1MULY   2018   en   Villa   La   Angostura   -   Argentina; Sudamericano   1M   ULY   2017   en   Puerto   Varas-Chile;   Regata   Andes   Patagónicos 2017 en Villa La Angostura- Argentina Regata Andes Patagónicos 1M ULY 2017: 2° Lugar Sudamericano 1M ULY 2017: 2° Lugar Campeonato Nacional Argentino 1MULY 2018: 1° Lugar Solo    he    participado    en    campeonatos    de    la    clase    1M    ULY    en    el    extranjero    y únicamente   en   Villa   La Angostura   Argentina,   unas   8   veces   en   estos   casi   10   años de    actividad.    En    Chile    participo    regularmente    en    las    fechas    mensuales    del calendario zona sur y en los campeonatos nacionales Chilenos. La   vela   RC   actual   en   Chile   está   en   desarrollo   permanente,   buscando   incorporar siempre   gente   nueva   a   la   actividad.   La   clase   más   consolidad   hasta   ahora   es   la   1M ULY,   pero   en   este   último   año   la   clase   IOM   ha   crecido   en   cantidad   de   participantes y número de barcos. En   mi   caso   particular,   solo   he   participado   en   2   campeonatos   nacionales   de   la clase IOM, soy solo un principiante en esta categoría mundial!! Actualmente   en   la   zona   sur   de   Chile   la   única   clase   activa   es   la   1M   ULY,   tenemos un   calendario   anual   donde   navegamos   1   vez   al   mes   y   vamos   rotando   las   ciudades sedes,   de   manera   que   todos   nos   trasladamos   durante   el   año   para   navegar.   El grupo   de   timoneles   activos   es   muy   unido   y   es   un   agrado   encontrarse   con   ellos todos los meses; hemos ido cultivando una amistad que va más allá de las regatas
BRA 04 Ademir Nicaretta
Surge   no   cenário   da   vela   rádio   controlada   brasileira   no   ano   de   1983   participando do   3º   Campeonato   Brasileiro   da   Classe   Marblehead   em   Brasília   -   DF,   aonde   com destaque chega como 10º colocado neste evento. Deste   em   diante   vem   participando   ativamente   dos   eventos   realizados   pelo   seu clube    de    origem    o    Clube    Candango,    em    que    anos    mais    tarde    se    tornaria Comodoro. Afastou-se   por   um   período,   pois   foi   morar   em   outra   cidade,   retornado retomou   suas   atividades   na   vela   rádio   controlada.   No   biênio   2004   /2005   ocupou o   cargo   de   Secretário   Geral   da   ABVRC,   realizando   um   trabalho   de   destaque, depois   deste   período      organizou   diversos   eventos   de   cunho   nacional   com   o apoio   do   Clube   Naval   de   Brasília   aonde   hoje   é   o   capitão   de   flotilha,   vem   durante 35    anos    participando    de    todos    os    campeonatos    nacionais    da    vela    rádio controlada,   em   todas   as   classes,   no   Brasil.   Um   grande   incentivador,   construtor amador e velejador da classe vela rádio controlada.
CHI 67 Rolf Koster
E n   forma   individual   inicié   aproximadamente   en   1980   con   diversos   modelos,   pero en    forma    organizada    desde    1997,    cuando    por    primera    vez    y    primer    chileno participé   en   el   Sudamericano   de   1M   ULY   y   Marblehead   en   Porto   Alegre,   Club Veleiros do Sul, em que conocí a muchos timoneles de Brasil y Argentina Inicialmente   no   tuve   iniciador,   lo   hice   personalmente,   pero   en   1997   podría   decir que mi iniciador formal fue Roberto Azar y vários amigos argentinos En el Club Argentino de Yatemodelismo, CAYM, Parque Norte, Buenos Aires Fechas   2,   3   y   4   del   calendario   de   regatas   2018   de   la   Zona   Sur   de   Chile,   en categoria 1M ULY Lugares 2, 3 y 3 En    Clase    IOM    :        Campeonato    Mundial    IOM    2011    de    West    Kirby,    Inglaterra    / Campeonato   Nacional   Brasilero   IOM   2016   en   Río   de   Janeiro   /   Copa   Mercosul   IOM em Porto Alegre 2016 yo   participo   permanentemente   em   regatas   del   calendário   de   Chile,   especialmente em   la   zona   sur   del   pais,   em   la   categoria   1M   ULY,   y   em   ocasiones   em   regatas   de   la classe   IOM   em   zona   centro   de   Chile   y   su   campeonato   nacional   CHI. Ambas   clases estan   actualmente   muy   activas   y   la   classe   IOM   em   buen   desarrollo   y   crecimiento.     Personalmente   soy   desde   mis   inicios   um   apasionado   cultor   de   este   maravilloso mundo   de   la   vela   RC,   y   trato   de   participar   em   la   mayor   cantidad   de   fechas   de regata pósibles El   mayor   placer   que   me   entrega   esta   especialidad   es   la   perfecta   combinación   entre hacer   navegar   em   competência   estos   magníficos   modelos   de   la   classe   Um   Metro, com   todas   sus   características   técnicas,   reglas   y   estratégias   de   regata,   junto   a compartir   muy   gratos   momentos   con   tantos   amigos   ganados   em   muchos   años   de regatas, de los três países Argentina, Brasil y Chile.
BRA 11 Denis Astbury
Seu   primeiro   contato   com   a   vela   rádio   controlada   de   competição   acontece   no   ano de 1986, participando do brasileiro de Marblehead na cidade Curitiba no Paraná. Integrante   da   terceira   geração   de   velejadores   da   classe   rádio   controlada,   teve como   incentivadores   seu   pai   William   F. Astnury   e   com   maior   ênfase   seu   avô   John R. Astbury. Em   1999   sagrou-se   vice-campeão   mundial   júnior,   dados   início   a   uma   série   de vitórias, nacionais e internacionais. Com    o    passar    dos    anos    tornou-se    um    exímio    construtor,    facilitado    pelas investidas    na    oficina    do    seu    avô    John,    bem    como    por    sua    profissão    como arquiteto,   anos   mais   tarde   foi   convidado   a   trabalhar   com   Graham   Bantock,   ícone mundial   na   construção   de   veleiros   rádio   controlados,   desta   feita   aprimorou   seus conhecimentos   na   modelação   e   construção.   Retornando   ao   Brasil,   assumiu   a representação   de   construção   de   vários   modelos   de   primeira   linha   das   marcas Sailsetc, BG e outros. Potencialmente um grande velejador, colecionador de títulos durante 32 anos!
BRA 69 Cláudio Vaz
Iniciei   na   vela   RC   em   junho   de   2017.   Velejo   desde   meus   15   anos   na   classe   Laser e   Windsurf   ,   surfo   a   mais   de   20   anos   e   a   cinco   anos   velejo   de   KiteSurf.   O   mar   e   o vento   “forte”   sempre   fizeram   parte   de   minha   vida   e   lazer.   Desde   pequeno   tinha uma   vontade   de   velejar   um   veleiro   RC,   mas   na   época   não   encontrei   barcos   para adquirir.   Em   março   de   2017   encontrei,   na   cidade   de   Cabo   Frio   –   RJ,   o   famoso “Gaúcho”    que    fabricava,    a    uns    30    anos    atrás,    o    veleiro    antigo    da    classe    M Trapper,   mas   infelizmente   ele   não   estava   mais   fabricando   os   veleiros. Após   umas duas   horas   de   conversa   consegui   convencê-lo   de   fabricar   mais   um   único   veleiro só    para    satisfazer    minha    vontade    de    infância.    Em    abril    de    2017    comecei    a pesquisar   na   internet   sobre   os   acessórios   e   velas   para   o   veleiro   M   Trapper   e achei   o   site   da   ABVRC.   Entrei   em   contato   com   algumas   pessoas   como   o   Arthur (Tuca),   que   me   forneceu   várias   dicas   excelentes   e   me   indicou   outras   pessoas como   o   Denis   e   o   Andrea.   A   partir   daí   descobri   o   mundo   RC   das   classes   1M   IOM   e   ULY   e   M.   Em   junho   2017   adquiri   um   veleiro   IOM   –   Britpop   do   Pai   do   Denis –   BRA   69.   Na   primeira   velejada   sozinho   com   o   IOM   percebi   o   potencial   do   barco   e fiquei    entusiasmado    em    reviver    meus    tempos    de    regatas.    No    mesmo    mês participei   da   primeira   regata   do   Campeonato   Carioca   de   IOM   ficando   nas   últimas colocações.   Percebi   que   o   velejo   era   sério   e   teria   que   praticar   e   treinar   muito   para melhorar.    Em    outubro    de    2017    participei    do    Campeonato    Brasileiro    de    IOM, ficando   em   23o   lugar.   No   mesmo   mês   me   dei   um   presente   de   aniversário,   a convite   do   Denis,   de   participar   de   um   Campeonato   Americano   IOM   no   Texas   e fiquei   em   38o   lugar.   A   experiência   no   Texas   foi   muito   importante,   apesar   de somente   4   meses   de   participação   em   poucas   regatas   no   Brasil,   pois   me   fez evoluir   rapidamente   no   controle   e   ajustes   do   barco.   Em   março   de   2018   adquiri   o veleiro    ULY    –    BRA    69    também    do    Pai    do    Denis    e    consegui    o    5o    lugar    no Campeonato   Brasileiro   em   Niterói   -   RJ.   Em   abril   2018   finalizei   outra   aquisição   de um   veleiro   M   –   Indie   -   BRA   17,   fabricado   pelo   João   de   Deus,   que   classifico   como um   “fórmula   um”   dos   veleiros   RC.   No   mesmo   mês   participei   da   1a   etapa   do Campeonato   Catarinense   em   Joinville   –   SC   ficando   na   6o   posição.   Como   tenho pouco   tempo   de   RC,   estou   me   dedicando   a   participar   do   maior   número   de   regatas possíveis   em   todas   as   classes   e   aprimorando   meus   conhecimentos   teóricos   e práticos   de   ajustes   dos   barcos,   táticas   de   regatas,   largadas   e   ajuste   fino   do “dedo” para tentar, pelo menos, acompanhar os melhores da classe. Um   agradecimento   especial   dedico   para   minha   “noiva   Mirela”   que   me   apoia, acompanha   em   todas   as   regatas   com   suas   filmagens   para   o   Grupo   RC,   me incentiva   e   ainda   avalia   cada   regata   minha   fornecendo   dicas   valiosas   dos   meus erros e acertos durante as regatas.
Este evento reunirá os melhores velejadores brasileiros da classe IOM - International One Meter em disputa por vagas no Mundial que se realizará neste mesmo local / raia em 2019.
Vem ai o Mundial em 2019!
EVENTOS ANTERIORES Alexandre Marien Embu das Artes - SP  2017 Denis Astbury Rio de Janeiro - RJ  2016 Rob Waish Porto Alegre - RS  2015 AVISO DE REGATA
Velejador   com   grande   bagagem   na   vela   tripulada,   de   uma   família   de   velejadores, iniciou   na   classe   Pinguim   e   nela   sagrou-se   campeão   mundial,   participou   com tripulante/comandante   no   veleiro   de   oceano   pertencente   ao   seu   pai   por   longos anos.   Iniciou   na   vela   rádio   controlada   por   volta   de   1982,   a   partir   deste   momento vem    participando    ativamente    em    campeonatos    nacionais    e    internacionais.    Em 1986    participou    pela    primeira    vez    em    um    campeonato    mundial    na    cidade    de Fleetwood   -   UK.   Em   1988   participou   do   mundial   NAVIGA   em   Berlin   –   Alemanha. Sua   larga   experiência   o   levou   a   conquista   do   pentacampeonato   sul-americano   da classe   Marblehead   ao   longo   dos   anos   de   1989,   1990,   1992,   1994,   1996,   sendo, portanto   o   maior   colecionador   de   títulos   sul-americanos   da   classe   Marblehead.   Em 2009   participou   do   Mundial   da   Classe   IOM   em   Barbados.   Em   2011   participou   na Suíça   do   European   Masters   para   veleiros   da   classe   RG65   sagrando-se   campeão. Em   2012   participou   do   2º   International Trophy   (Campeonato   Mundial)   classe   RG65 acontecido   na   França.   Destaque   para   o   título   de   bicampeão   brasileiro   na   Classe RG65   (2017   /   2018).   Em   2017   levantou   mais   um   titulo   internacional   Campeão   sul- americano   da   classe   1Metro   ULY.   Atualmente   participa   ativamente   dos   eventos p elo Brasil das classes Marblehead, 1Metro ULY, 1Metro Internacional e RG65.
Flag Counter
Flag Counter